Música e o futuro

Nos últimos anos muitas inovações foram lançadas no mercado, seja para automação, fotografia, mas principalmente o entretenimento. Com o aumento do investimento em tecnologia, a realidade virtual veio para mostrar novos horizontes, com jogos, filmes e agora, música.

Parar no tempo não é possível, mas a Google passou a oferecer uma proposta similar: parar por tempo indeterminado naquela cifra ou trecho preferido de qualquer música. Isso agora é possível por meio do Inside Music, iniciativa que a empresa define “não como um produto, mas como um experimento”.

Com a ajuda do WebVR Experiment, a Google fez uma parceria com esse projeto desde 2009 e realiza trabalhos sonoros com a ajuda da tecnologia de algoritmos, com uma perspectiva de trabalho open-source, ou seja, qualquer um pode contribuir com códigos ou fazer uso de plataformas disponibilizadas.

Esse experimento contou com a parceria do Song Exploder, site em que os artistas entrevistados contam os detalhes de cada trecho de suas composições. Até o presente momento, é possível explorar a ideia do Google por meio de canções de 6 projetos musicais de gêneros e nacionalidades distintos, todos já entrevistados pelo Song Exploder: Nathalia Lafourcade, cantora mexicana que já tem um Latin Grammy; a banda de rock francesa Phoenix; Perfume Genius, projeto pop indie do americano Mike Hadreas, Alarm Will sound, que mistura entre clássica contemporânea, a Clipping, com o hip hop experimental e por fim as irmãs de origem franco-cubana do duo Ibeyil.

Vale a pena conferir essa novidade acessando o site aqui. Apesar das instruções estarem em inglês ele é intuitivo, bastando clicar no cantor + a música e depois selecionar as partes da composição que você quer que toque. Bom divertimento!

 

Fonte: B9

About the author: Graziela Tamanaha

Leave a Reply

Your email address will not be published.